fbpx

Categoria: Artigos Page 2 of 5

Você acha que a alimentação fit é só para marombeiros? Revise seus conceitos…

A cada dia novas modas surgem e o termo fit, diminutivo de fitness, ligado a uma vida esportiva e saudável chegou também a alimentação.

Quando se fala em fit, logo vem a mente frango com batata-doce, mas vamos ver que não é bem assim…

É cada vez mais comum vermos pessoas a procura de uma alimentação mais equilibrada, aliando a mudança de hábitos alimentares a prática de atividades físicas. 

Na gastronomia fit, considerada uma nova modalidade gastronômica, mas também entrelaçada aos conceitos da gastronomia saudável, busca-se uma alimentação saudável e adequada ao tipo de atividade física praticado.

Considerando que uma alimentação saudável é simplesmente uma escolha por alimentos saborosos, ingredientes de qualidade e nunca abrindo mão do sabor, é claro que ela combina muito bem com um estilo de vida saudável e desportivo.

Como benefícios de uma alimentação fit adequada podemos destacar:

Menos doenças 

Consumo de alimentos mais saudáveis

Manutenção do peso ideal

Melhora do humor

Melhor equilíbrio hormonal

Melhor disposição

Maior longevidade

Alguns alimentos  podem ser considerados parte de uma alimentação fitness: batata-doce, arroz integral, frango, ovo, verduras, legumes e alimentos com alta concentração de proteínas em geral, como carnes magras.

Como podem ver, são alimentos naturais e sempre, sempre, devemos evitar os industrializados por possuírem muitos aditivos químicos.

O cardápio deve ser equilibrado, com carboidratos, proteínas e alimentos reguladores ricos em fibras, vitaminas e sais minerais.

Assim, se você quer curvas bem delineadas, a escolha por um cardápio equilibrado é essencial para auxiliar no desempenho e recuperação muscular.

Seja qual for o seu esporte preferido, ou se você pratica musculação, pilates, ginástica ou treinamento funcional e está em busca de saúde ou de um corpo tonificado, lembre-se de que a alimentação é de extrema importância para atingir os seus objetivos.

AS CORES DA PRIMAVERA EM SEU PRATO

Com a chegada da primavera temos a oportunidade de presenciar o renascer da cores nos jardins, nas flores e até mesmo no rosto das pessoas que despedem-se do frio do inverno.

Na gastronomia não é diferente, o inverno vai e leva com ele o apetite insaciável de comidas quentes, excessivamente calóricas. Renasce o prazer pelas saladas leves e coloridas que enfeitam a mesa.

E, quando se fala em cor, se fala em vitaminas, em saúde…

Uma garantia de que, durante as compras, você está colocando fitoquímicos no carrinho: observe a cor dos alimentos. A maior parte dos alimentos conhecidos pelos seus efeitos fitoquímicos são responsáveis pelo colorido dos mesmos.  Outro grande cuidado é de se adquirir alimentos in natura, em detrimento dos industrializados e dos suplementos alimentares – em ambos os casos, a ação protetora do fitoquímico pode ser afetada. Cozinhar demasiadamente um alimento também pode prejudicar os efeitos, especialmente no caso das verduras.

A cor laranja nos lembra verão, pele bronzeada e realmente, os alimentos desta cor são riquíssimos em betacaroteno a vitamina que serve de sustentação para a renovação da pele.  Mantém a saúde da pele, dos cabelos e das mucosas, é necessária à visão. Um dos alimentos mais saborosos e nutritivos que encontramos em todo tipo de dieta é a cenoura. Essa raiz cor-de-abóbora, além de ser uma excelente fonte de fibras, é rica em caroteno, um elemento que, durante a digestão, se transforma em vitamina A, muito importante para a vista, pele e mucosas. O caroteno é essencial à síntese de vitamina D, que é responsável pelo nosso desenvolvimento, principalmente ósseo.

A cor vermelho enriquece os alimentos com o tão falado licopeno, eficiente na prevenção de câncer de próstata, cólon, pâncreas e pulmão. O licopeno é um carotenóide extraído do tomate e está sendo considerado o mais potente antioxidante. Está presente em nosso sangue em maiores quantidades. Além disso, estudos realizados com licopeno e dietas ricas em tomate e derivados evidenciaram sua ação contra os radicais livres e sua relação com o risco reduzido de desenvolvimento de doenças degenerativas, como é o caso do câncer. Também a melancia, tem em suas propriedades o licopeno e é considerada um excelente estimulante, tem vitaminas A, C, E e K e todas as do complexo B. Segue na tabela abaixo a dosagem de licopeno presente no tomate.

ALIMENTOConteúdo em mg/100g
Tomate (fresco)0,88 – 4,20
Tomate (cozido)3,70
Tomate (molho)6,20
Tomate (suco)5,00 – 11,20

* A dosagem recomendada de licopeno por dia é de 5 a 10mg.

A cor verde traz a clorofila e o ferro presente nos alimentos com toda a sua intensidade, auxiliando no tratamento e prevenção de anemias. A luteína é um fitoquímico que confere aos vegetais a cor verde. A clorofila, além de conferir a cor verde aos vegetais, estimula a produção de glóbulos vermelhos do sangue e ajuda a proteger contra o câncer. Algas, plantas marinhas e vegetais verdes são as principais fontes de clorofila e ainda oferecem vitaminas A, C, B12, B6, K e ácido fólico. Ainda, as folhas e vegetais verdes facilitam a digestão, desintoxicam e melhoram o funcionamento do intestino, contribuindo para o equilíbrio emocional. O ácido fólico presente nas verduras funciona como antidepressivo natural. O hábito da salada verde no dia-a-dia pode proporcionar uma pele saudável, boa digestão e perda de peso. O principal nutriente dos verdes é o ácido fólico. Ele atua, principalmente na prevenção de anemias e no combate a doenças cardiovasculares.

Os principais nutrientes das verduras, em 1 xícara

AGRIÃO

Calorias: 23

Rico em fibras, que colaboram na digestãoEstimula o apetite e faz bem aos rinsA grande quantidade de iodo contribui para o bom funcionamento da tireóideO ácido fólico reduz os riscos de anemia.

ALFACE

Calorias: 17

Indicada contra a prisão de ventre por causa das fibras e contra a hipertensão, pela grande quantidade de potássioIndicada também para diabéticosO ácido fólico fortalece o coração e os rinsAs folhas mais escuras são as mais nutritivas.

CHICÓRIA

Calorias: 20

Indicada para quem sofre de problemas cardíacos e asma È um  bom digestivoContribui para o bom funcionamento do intestino e para a saúde da peleAtiva o sistema imunológico, reduzindo a incidência de infecçõesA quantidade de potássio elimina os depósitos de gordura e controla a hipertensão.

COUVE

Calorias: 18

Rica em betacaroteno, protege contra doenças degenerativasVitaminas do complexo B e vitamina C regulam a digestão e têm efeitos desintoxicantesO ferro combate à anemia; Fortalece os rins e o coraçãoe ainda,A vitamina A é boa para os olhos, nos casos de cegueira noturna.

ESPINAFRE

Calorias: 23

Fonte de vitamina A e de sais de ferro, é bom para manter saudáveis os glóbulos vermelhosé recomendado por conter rico teor de nutrientes em quantidades equilibradaso potássio ajuda no controle da hipertensão e ainda, o ferro previne a anemia.

RADITE

Calorias: 28

Previne anemias e doenças cardiovasculares; o cálcio colabora na formação óssea dos adolescentes e ainda, as fibras ajudam na digestão e previnem contra a prisão de ventre.

RÚCULA

Calorias: 38

Estimulante do apetite, colabora com o funcionamento dos intestinos; o cálcio fortifica ossos e dentes; é  antioxidante e fortalece o sistema imunológico e também o ferro evita a anemia.

RECEITA DE UM BOM TÔNICO MATINAL…

De manhã, em jejum, bata no liquidificador 1 folha de couve com 1/2 limão em um copo de água e beba. Tem menos de 5 calorias e com certeza fará seu organismo funcionar com um ótimo desempenho durante todo o dia… Ah, e se seguido deste tônico, você acostumar a comer 1 fatia de mamão formosa ou meio mamão papaia, acredite: seu corpo vai agradecer iniciar o dia com as cores da primavera!

A ONDA DAS DIETAS SEM GLÚTEN

Em todo o lugar que você vai a oferta de produtos sem glúten aumenta. Que bom! Muitas pessoas são realmente intolerantes ou alérgicas à proteína do trigo e antes não tinham muitas opções.

Não vejo nada de errado, a não ser quando acaba sendo uma moda e um terrorismo contra o tal glúten. “Retire o glúten e você vai emagrecer”, “retire o glúten e você nunca mais vai inchar”, “retire o glúten, é bom para o tratamento de câncer”. Incríveis as frases que vemos por aí tentando convencer as pessoas a exorcizar o glúten de suas vidas.

Vamos lá: o assunto é polêmico e pessoas juram de pés juntos que deu resultado excluir produtos com trigo de sua alimentação. Na verdade, junto com o pão, pizzas, doces, biscoitos, vem o glúten, e o excesso de carboidrato sim, pode engordar, causar estufamento, enfim. O que vai trazer a você o bem estar e o controle de peso é o equilíbrio entre os alimentos que você ingere e as porções que você decide ingerir.

A doença autoimune causada pela intolerância ou alergia ao glúten é bastante séria, trata-se da doença celíaca, esta sim requer todos os cuidados de exclusão pela vida toda, pois as células de defesa passam a atacar o próprio organismo. Este processo inflamatório contra a proteína do trigo pode comprometer a absorção de macro e micro nutrientes, levando a sintomas como dor de cabeça, diarreia, flatulência, fadiga e perda de peso.

A dúvida então fica, tirar ou não tirar o glúten de sua dieta? 

Do ponto de vista fisiológico não há problema nenhum em retirar o trigo e substituir por farinha de arroz, tapioca, amido de milho, polvilhos e mandioca.  O importante é trocar por alimentos saudáveis como frutas e verduras por lanchinhos ricos em carbos como bolinhos, muffins, panquequinhas sem glúten. O organismo precisa de fibras e de uma dieta diária equilibrada entre proteínas, gorduras e carboidratos.

Por isto, não faça auto-diagnósticos. Procure um médico para diagnosticar suas alergias e/ou intolerâncias, se houver. Feito o diagnóstico, procure um nutricionista para orientar a sua dieta. E lembre: equilíbrio acima de tudo!

O QUE É AFINAL ESTE TAL DE ÔMEGA 3 E SEUS BENEFÍCIOS?

Pessoas suplementam sua dieta diária com cápsulas e cápsulas de ômega 3 sem mesmo saber para o que serve… “alguém disse que é bom, vou tomar”.

Sim, o ômega 3 é muito bom, traz vários benefícios à saúde, como o efeito antioxidante, o efeito extremamente eficaz sobre as dislipidemias, além de melhorar a imunidade do organismo. Destacamos mais alguns:

  • Combater a depressão;
  • Combater doenças inflamatórias;
  • Diminuir o risco de doenças cardiovasculares;
  • Diminuir o colesterol;
  • Auxiliar no combate à osteoporose, por aumentar a absorção do cálcio;
  • Diminuir efeitos das doenças auto-imunes.

Devo então suplementar com esta fórmula mágica?

Vamos pensar no povo oriental, um dos mais longevos do planeta. Será que eles suplementam com cápsulas? Não, eles simplesmente escolhem alimentos ricos nestes ácidos graxos polinsaturados:

  • Salmão
  • Sardinha
  • Atum
  • Linhaça 
  • Chia
  • Nozes

E o que são estes ácidos graxos? Os ácidos graxos são gorduras insaturadas, que são divididas em:

Monoinsaturadas: gorduras boas compostas por uma ligação dupla entre carbonos da cadeia hidrocarbônica. Nesse grupo entra o ômega 9.

Polinsaturadas: gorduras boas compostas por múltiplas ligações duplas entre carbonos da cadeia hidrocarbônica. Nesse grupo entram o ômega 3 e o ômega 6.

Se necessário, sim, podemos complementar, mas fazer escolhas saudáveis sempre é o melhor negócio. Escolhe bons peixes, prepare a refeição do seu gosto e aproveite!

NUTRI GOURMET 15 ANOS

A Nutri Gourmet nasceu quietinha há 15 anos, sob a asa da Nutritécnica Clínica e Consultoria. A ideia de ter um espaço cheio de delícias Diet/light surgiu ao perceber que os pacientes da clínica desejavam ter um espaço diferenciado para comprar alimentos que auxiliassem no emagrecimento. Naquela época a busca dos pacientes era basicamente pelo emagrecimento.

Com o passar dos anos, a Nutri Gourmet foi criando uma cara própria, direcionando seu caminho para uma linda indústria de alimentos congelados saudáveis e hoje conta com mais de 200 produtos, com linhas diferenciadas: Saudável, Fit, Comidinhas Gourmet, Bistrô, Marmitas, Sem Glúten e Sem Lactose.

Hoje, nosso restaurante criou suas próprias asas, ampliando mercado a cada dia. Utilizando tecnologia de ponta, garantimos a qualidade e a praticidade de cada um dos pratos, para públicos diferenciados. Os produtos podem ser encontrados na loja da Nutri Gourmet, que também se destaca pelo almoço balanceado. Sob a batuta da nutricionista Marlise Stefani e sua filha também nutricionista Giovanna Stefani, aliadas a uma equipe altamente treinada, o processo é analisado de ponta a ponta, resultando em produtos de qualidade ímpar.

Para comemorar nosso aniversário, quem ganha o presente é você! Todo o site com 15% de desconto, não dá pra perder né!!

Aproveite e também venha nos conhecer, provar as nossas delícias. A Nutri Gourmet fica na Rua Bento Gonçalves, 1465 – Centro de São Leopoldo.

A BREVE PAUSA DAS FÉRIAS DE INVERNO, COMO RETOMAR A ROTINA?

Esta breve pausa no meio do ano para as férias de inverno serve para dar um pouco de trégua a um ano tão agitado como este. As crianças em casa e os pais tendo que se dividir entre os seus cuidados, trabalho e uma semaninha de folga talvez…

O resultado disto são aqueles quilinhos a mais, a perda de parte do trabalho da academia do ano todo…

Mas vamos lá, julho acabou e temos apenas agosto para nos prepararmos para a primavera que despontará em setembro. Este mês exige cuidado, exige direção e muito planejamento. Filhos de volta na escola, hora de lanches saudáveis bem organizados para os baixinhos.

Qual o melhor lanche? Aquele que contém carboidratos, proteínas e algum alimento regulador, como fruta e verdura.  Um sanduíche com suco é uma boa opção. Um bolinho de aveia com fruta também pode ser. Um pastel de forno integral com suco de laranja com mamão pode ser uma saída saudável para a oferta que temos de lanches de prateleira.

Sempre pense muito bem antes de fazer o lanche do seu filho. Faça um cardápiozinho semanal, isto vai evitar a monotonia do seu filho. Lanches caseiros podem ser uma ótima opção, se forem feitos com a participação das crianças, melhor ainda!

Ah, e não esqueça, está também é a melhor opção para que estuda e trabalha, organização e lanches saudáveis. Esqueça as prateleiras cheias de produtos industrializados, sua saúde agradece!

A ONDA DAS MARMITAS, VOCÊ ESTÁ NESSA?

Há alguns anos, levar lanche ou marmita para o trabalho ou para a escola era “mico”. Hoje está super em alta levar a sua comidinha de casa, seja para lanche ou mesmo para a refeição de almoço ou jantar.

Muitas coisas mudaram, as empresas já não oferecem tantas opções assim como refeitórios ou restaurantes, e por muitas vezes oferecem o vale-refeição ou vale-alimentação.

O difícil é saber como optar pela melhor qualidade do que comemos durante o dia e, pior, algumas pessoas acabam não fazendo uma refeição adequada, comendo pães e bolachas. Isto pode causar um “desespero” ao chegar em casa no final do dia. E nada parece saciar.

Justo nesta hora que o corpo está prestes a entrar em repouso, acabam fazendo refeições excessivamente calóricas e gordurosas.

Qual a solução então? Uma alimentação equilibrada e saudável, sempre!

Aproveite a onda das marmitas e leve a sua marmitinha de almoço bem equilibrada: arroz, feijão, franguinho grelhado e legumes. Você pode trocar o arroz e feijão por: massa, batata, batata-doce, aipim ou algum outro carboidrato. O franguinho grelhado pode ser substituído por um bife grelhado, um frango assado, um hambúrguer de carne, um peixe grelhado, ou mesmo por dois ovos cozidos. Os legumes são muito variados: cenoura, vagem, espinafre, moranga, couve, chuchu, repolho, brócolis e tantas outras delícias que podemos encontrar na feira. Vale tudo, para ficar saudável e bem alimentado.

O exemplo de cima é tipicamente brasileiro, mas podemos fazer uma marmita low carb, uma marmita fit, vegetariana, entre tantas outras opções.

Pode congelar as marmitinhas? Esta é uma dúvida que as pessoas têm e perguntam bastante. O segredo do congelamento é usar sempre alimentos frescos, recém-feitos e ter um freezer só para isto, este congelamento caseiro rende um prazo de validade de 30 dias para estas marmitas, por isto muito cuidado ao preparar ou comprar marmitas prontas, todo o cuidado deve ter sido tomado na sua confecção. Já as marmitas ultracongeladas, feitas por empresa especializada, têm um prazo de validade bem maior e garantem a qualidade de cada alimento que está ali dentro.

A grande dica para pegar esta onda das marmitas é não ter vergonha de levar sua marmitinha super saudável para a escola ou trabalho, e sim saber a origem daquele alimento.

As marmitas saudáveis podem ter um cardápio variado e feito por você mesmo. Quando preparamos a nossa própria comida podemos controlar a gordura, o sal e até o açúcar do que comemos. Se não tiver tempo de produzir sua refeição, aposte nas opções das empresas que produzem para você, como a Nutri Gourmet. E acredite, você acaba gastando muito menos. Boas Marmitas!

AH, QUEM RESISTE A UMA PIZZA?

A pizza é um prato que agrada, com certeza a grande parte da população mundial. Sério, ao se aproximar o final de semana as pessoas já começam a pensar no jantar de sexta-feira ou sábado, e é claro, combina com uma pizza.

A pizza mais conhecida e mais desejada é a marguerita. Uma das primeiras pizzas, criada na Itália.

Ela é a pizza mais apreciada na Itália – quem sabe, no mundo todo. Mas pouca gente sabe que a origem dessa famosa receita, criada em Nápoles, em 1889, começa com um pizzaiolo que desejava bajular um casal de reis. 

Conta a história que em um verão de Nápoles, na época em que foi criada a primeira pizzaria (lá por 1830), os italianos rei Umberto I e rainha Margherita visitavam a cidade quando desejaram experimentar a iguaria de que todos estavam falando. Como não seria de bom tom irem até a pizzaria, eles pediram para esta ser entregue no belíssimo Palácio Real de Capodimonte, onde estavam hospedados.

Para impressionar e agradar o casal real, o pizzaiolo decidiu criar uma pizza com as cores da bandeira da Itália (vermelho, branco e verde), usando tomate, mussarela e manjericão. A rainha gostou tanto que seu nome foi dado à pizza, em sua homenagem.

Parece um prato calórico, mas as opções de light, integral, vegetariana, sem glúten, sem lactose, vem se somando ao nosso dia a dia, atendendo a cada necessidade de cada um.

Colocar fibras, tirar gordura, tirar calorias , tirar o glúten, vale tudo para ter o grande prazer de degustar uma pizza a dois, ou mesmo em família.

Bom apetite!

5 RAZÕES PARA VOCÊ PROCURAR CONSUMIR ALIMENTOS ORGÂNICOS

Muito se fala em consumir alimentos orgânicos. Mas o que são afinal estes alimentos e o que eu ganho com isto? Produto orgânico é todo produto, animal ou vegetal, obtido sem a utilização de produtos químicos ou de hormônios sintéticos que favoreçam o seu crescimento de forma não natural. O solo é a base do plantio orgânico. O solo é a sua fonte de nutrição dos vegetais, livre de produtos agrotóxicos, pesticidas, adubos químicos ou sementes transgênicas. Para os animais, sua criação é feita sem o uso de hormônios de crescimento, anabolizantes ou outras drogas como os antibióticos.

Se paramos para pensar, vemos que as vantagens de ingerir alimentos orgânicos são infinitas, aqui vão algumas delas:

1. Podemos evitar a ingestão de agrotóxicos, que são extremamente prejudiciais ao nosso organismo e os seus resíduos podem provocar reações alérgicas, respiratórias, distúrbios hormonais, problemas neurológicos e alguns estudo apontam inclusive para o câncer.

2. Podemos manter sabor dos alimentos orgânicos, que são mais intensos. Tomate tem gosto de tomate, verduras tem o suave sabor e textura incomparáveis.

3. Podemos proteger nossos filhos e próximas gerações de contaminações químicas. A utilização de produtos químicos na produção de alimentos afeta o ar, o solo, a água, os animais e as pessoas.

4. Podemos proteger a qualidade da água. Os agrotóxicos utilizados nas plantações atravessam o solo, alcançam os lençóis d’água e poluem rios e lagos.

5. Podemos ajudar pequenos agricultores e comerciantes. Em sua maioria, a produção orgânica provém de pequenos núcleos familiares que tem na terra a sua única forma de sustento. Mantendo o solo fértil por muitos anos, o cultivo orgânico prende o homem à terra e revitaliza as comunidades rurais.

Enfim, podemos cultivar nosso alimento de forma caseira ou buscar no mercado produtos orgânicos. A qualidade do produto orgânico pode ser garantida por um selo de certificação. Este selo é fornecido pelas associações de agricultura orgânica ou por órgãos certificadores independentes, que verificam e fiscalizam a produção de alimentos orgânicos desde a sua produção até a comercialização.

Esta é uma reflexão que precisa ser feita. Como eu quero estar daqui a 20 ou 30 anos? O que eu quero deixar de legado aos meus filhos e próximas gerações? Atitudes simples como trocar flores e plantas de seu jardim e vasos por temperos e verduras pode ser um bom começo.

Precisamos esquecer as desculpas de que “não tenho tempo” ou “moro em apartamento” para prorrogar a buscar de uma alimentação realmente saudável.

Comece pelo seu bebê ou seus filhos oferecendo frutas e legumes orgânicos na preparação de suas papinhas ou comidinhas. Plante tomatinhos cereja em seus vasos, revista a borda dos vasos de cebolette, salsinha ou mesmo alfaces. Plante mini-cenourinhas, podem representar uma boa opção de saladas ou lanches.

LANCHINHOS LOW CARB PARA O INVERNO? NÓS TEMOS!

Muitas pessoas cuidam bastante da alimentação durante o ano inteiro.

Mas quando chega o frio, alguns se perdem nos lanches entre as refeições, consumindo biscoitos, bolos e outros tantos, ricos em carboidrato. As frutas e iogurtes, frios ou gelados, já não apetecem tanto.

Que alternativas temos para um bom lanche da tarde?

FRUTAS QUENTES

Banana, maçã e pera servem muito bem para serem colocadas no forno, com casca e tudo e polvilhadas com canela, cacau, pinceladas com mel e salpicadas com linhaça, chia ou granola.

CALDOS E CREMES

Uma boa caneca de caldo, feito de legumes ou frango, puro ou enriquecido de vegetais, fica uma delícia para aquecer as tardes ou noites com baixíssimas calorias. Um creme de moranga bem quentinho pode trazer calor para a sua tarde com apenas 60 calorias!

Se estiver sem tempo para preparar sua refeição, dá um pulinho no NOSSO SITE e confira todas as opções de congelados Light in Box para uma alimentação saudável.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén